domingo, 4 de março de 2018

New Zealand estuda retirar os direitos trabalhistas dos estudantes internacionais



Se você está com planos de estudar e trabalhar na Nova Zelândia, fique atento neste espaço. Pois o novo governo (Partido Trabalhista) está considerando retirar os direitos trabalhistas dos estudantes internacionais que venham estudar em um curso de nível inferior ao bacharelado, segundo o site do The Special Broadcasting Service (SBS).

Os estudos apontam que a economia do país perderá anualmente algo superior ao equivalente de A$268 milhões de doláres australianos, mas a preocupação do governo não é com este lado financeiro, mas sim de colocar a Nova Zelândia como uma referência em qualidade de ensino para o restante do mundo. 

Lembre-se que na Austrália ainda não estudam isto e você também pode ter chances de estudar e trabalhar na Austrália, mas atente que pedido de visto australiano é realmente um assunto sério. Se estiver procurando por ajuda profissional não deixe o seu futuro nas mãos de amadores ou inexperientes. Nós somos especialistas há mais de 16 anos em vistos para a Austrália. Converse conosco antes de fechar negócio. Nosso telefone (11) 3382-7110.

Sobre a M.Quality – A M.Quality é uma empresa de assessoria em imigração, negócios e intercâmbio especializada em processos de visto para a Austrália. Fundada em 2001, é a única agência brasileira do setor que possui licença validada pelo governo australiano há 17 anos. A M.Quality foi criada na Austrália e no Brasil por meio do empreendedorismo de MaCson Queiroz JP, engenheiro eletrônico pela Escola de Engenharia Mauá (SP), ex-instrutor do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI/SP) e reconhecido consultor imigratório no país. Com sede em Sydney, a empresa possui também escritório em São Paulo. Seu website tornou-se uma das mais procuradas fontes de informação segura sobre imigração, como morar e trabalhar legalmente na Austrália entre brasileiros.
Postar um comentário